Ministério da Saúde iniciou as reuniões formais com as estruturas sindicais para a criação da carreira de técnico auxiliar de saúde

O Secretário de Estado da Saúde, Ricardo Mestre, recebeu esta terça-feira, 13 de dezembro, três estruturas sindicais representativas dos trabalhadores da saúde, dando início ao processo de criação da carreira de técnico auxiliar de saúde no Serviço Nacional de Saúde. Este consubstancia um passo decisivo no reconhecimento dos diferentes profissionais que trabalham diariamente nos serviços e estabelecimentos do Serviço Nacional de Saúde.

A ronda negocial com o Sindicato dos Trabalhadores da Administração Pública e Entidades com Fins Públicos (SINTAP), a Federação Nacional dos Trabalhadores em Funções Públicas e Sociais (FNSTFPS) e o Sindicato Independente dos Técnicos Auxiliares de Saúde (SITAS) contou ainda com a presença de representantes das áreas governativas da Administração Púbica e das Finanças.

O compromisso de criar a carreira de técnico auxiliar de saúde, trabalho que agora se inicia, está inscrito no programa do XXIII Governo Constitucional, com vista a uma maior valorização dos trabalhadores do SNS. O Ministério da Saúde saúda nesta ocasião o trabalho, empenho e cooperação de todos os interlocutores neste processo, na certeza de que só a valorização dos profissionais permitirá a requalificação do Serviço Nacional de Saúde e prosseguir o trabalho de mais e melhor acesso à saúde para todos os portugueses.

De: https://www.sns.gov.pt/noticias/2022/12/14/carreira-de-tecnico-auxiliar-de-saude/